Plantar couves galegas

Qualquer cantinho serve para plantar couves galegas. É muito fácil  reconhecê-las, são as que crescem em altura; e é possível que cresçam muito. Segundo dizem os entendidos, têm um período de vida de 2 anos, embora eu pense que possam durar bastante mais tempo. É uma couve multifacetada e que alimenta uma quinta. Com ela faz-se o delicioso caldo verde, alimentam-se coelhos e galinhas, porcos e outros animais de grande porte. Para além disso, são também um manjar para caracóis e borboletas. Ao contrário das outras couves, às galegas vão-se tirando as folhas à medida que se querem utilizar. É uma planta muito resistente ao frio e ao calor. 
A couve galega é, portanto, a mais recente habitante da horta. Foi oferecida pelo pai de uma amiga. Esteve em água durante 2 dias, apenas porque não consegui plantá-la mais cedo, e seguiu para a horta. O sistema de plantação que utilizei foi muito simples, o básico: abrir rego de terra, espalhar um pouco de estrume, colocar as couves - espaçadas entre si por cerca de 20 centímetros -, e fechar o rego com terra. Ainda reguei com alguma água para que a raiz acame devidamente. Convém estar atento às lagartas que possam agarrar-se às folhas tenras, assim como colocar um pouco de adubo daqui a umas semanas. Confesso, já me apetece caldo verde. 

plantar couves galegas
Plantação de couve galega

2 comentários:

  1. Olá
    Cá estão elas...as nossas galegas...e que boas que são.

    Cumprs
    Augusto

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A 20 cm é mau para as galegas ,vāo-
      Se atropelar
      :-)

      Eliminar