Sementeiras de julho

Para estas bandas, e digo Vila Nova de Gaia, Portugal, está um calor que não se pode. Não se pode mesmo. Semear em dias assim, só mesmo ao romper do dia ou depois do sol cair. Se querem mesmo semear, arranjem um espaço fresquinho, arejado e longe do calor. A Casa César Santos, casa de sementes de Matosinhos, recomenda no seu catálogo as seguintes sementeiras para julho: agrião, aipo, alface, beterraba de mesa, brócolos, cenoura, chicória, coentros, curgete, couve-flor, couves diversas, espinafres, feijão, funcho, manjerico, milho doce, nabiça, nabo, pastinaga, penca, rabanete, repolho e salsa.

Já o famosíssimo Borda d'água recomenda: agrião, alface, beldroega (!), cenoura, feijão de trepar e anão, nabo, rabanete, repolho, salsa, couves de Bruxelas, nabo e flor (?). Recomenda ainda que se regue ao amanhecer ou ao entardecer (pudera!). Para quem tem jardim, recomenda a sementeira de amores-perfeitos, calêndulas, cinerárias... 

Enfim, a escolha é mais do que muita. Quanto a mim, já vou ficar todo contente se conseguir semear um canteiro de nabiça. Para mim, é das melhores coisas que o inverno traz.

1 comentário:

  1. Nesta época quente devem semear-se os NABOS, tanto temporãos como serôdios; de cabeça ou de folhas e para grelos. Por isso costuma dizer-se relativamente aos nabos...
    SEMEIA NO PÓ E......DE MIM NÃO TENHAS DÓ !!!!

    ResponderEliminar